Le véritable voyage de découverte ne consiste pas à chercher de nouveaux paysages, mais à avoir de nouveaux yeux. Marcel Proust - A La Recherche du Temps Perdu















quinta-feira, 2 de setembro de 2010

1932 o ano do Prólogo ao Plano do Porto

A propósito do Prólogo de Ezequiel de Campos de 1932, este breve texto sobre o automóvel, o cinema e a publicidade.

Em 21 de Agosto de 1897, Ransom Eli Olds (1864 1950) fundou a Olds Motor Vehicle Company em Lansing, Michigan. A empresa foi comprada em 1899 por  Samuel L. Smith que se tornou seu presidente passando Ransom Olds a vice-presidente. A nova empresa foi transferida para Detroit e rebaptizada como Olds Motor Works.

O Oldsmobile Curve Dash runabout foi o primeiro automóvel a ser construído numa linha de montagem e foi o primeiro carro produzido em série nos Estados Unidos. No ano em que foi lançado – 1897 - produziram-se 425 exemplares. Um incêndio nas instalações da empresa levou Ransom Eli Olds (1864 1950) a cancelar a fabricação de todos os modelos da linha de montagem, excepto a do Curved Dash, e em 1902, passou a chamar-se Oldsmobile.O nome do carro deve-se ao formato curvo do apoio para os pés. A carroceria era em madeira, e estava equipado com um motor de um cilindro horizontal refrigerado a água, com cilindrada de 1,6 litro, uma potência de 4 cv, duas velocidades e tracção traseira. Podia atingir os  40 km/h e gastava 10 litro de gasolina aos 100 km.

olds1904

1904 - Oldsmobile , curved dashed runabout model 6, 1 cylinder NYPL Digital Gallery


No mesmo ano, a produção deu um salto para 2.500 carros. Em 1903 era já de perto de 4.000, e no ano seguinte atingia os 5.000. O maior fabricante da Europa, a De Dion-Bouton, produzia cerca de 1.200 carros por ano. A simplicidade e a fiabilidade, o preço e a publicidade tornaram o Oldsmobile Curved Dash um sucesso.

general_motors_history_02  
Um dos temas da publicidade era comparar o veículo com as carruagens de cavalos, sugerindo que os automóveis substituiriam, com vantagem, os cavalos e as carruagens,publicidade reforçada por um artigo da Scientific American de Janeiro de 1900, que concluía que era mais barato manter um automóvel do que cavalos e uma carruagem. Isto atraiu muita gente que nunca havia usado um automóvel.

Mas o  Oldsmobile Curved Dash foi sobretudo popularizado por uma canção “In My Merry Oldsmobile”, criada em 1905, com música de Gus Edwards (1879-1945) e letra de Vincent P. Bryan (1878-1937), e que se tornou muito popular nos Estados Unidos (foi cantada por muitos dos mais conhecidos cantores americanos como Bing Crosby em 1939 e de novo com Judy Garland  em 1951 e utilizada na Disneyland de Walt Disney, e no cinema num episódio de M * A * S * H por Alan Alda na personagem de  Hawkeye Pierce enquanto conduz um Jipe.

In_My_Merry_Oldsmobile_a2701-1-72dpi

A capa da partitura mostra um casal de noivos ele (Johnny Steele) e ela (Lucille), num automóvel (Oldsmobile) circulando no meio de uma paisagem.  Na letra a “lua de mel “ está para breve e o coro canta "Você pode ir comigo  tão longe quanto quiser no meu Oldsmobile. "

You can go as far as you like with me / In my merry Oldsmobile.

A letra completa da canção

“Verse 1: Young Johnnie Steele has an Oldsmobile. He loves a dear little girl.
She is the queen of his gas machine. She has his heart in a whirl.
Now when they go for a spin, you know, she tries to learn his auto, so
He lets her steer while he gets her ear, and whispers soft and low;

Chorus: Come away with me Lucile in my merry Oldsmobile
Down the road of life we’ll fly automo-bubbling you and I.
To the church we’ll swiftly steal, then our wedding bells will peal,
You can go as far you like with me, In my merry Oldsmobile.

Verse 2: They love to spark in the dark old park, as they go flying along,
She says she knows why his motor goes; his sparker’s awfully strong.
Each day they spoon to the engine’s tune, their honeymoon will happen soon,
He’ll win Lucile with his Oldsmobile and then he’ll fondly croon;

Chorus: Come away with me Lucile in my merry Oldsmobile
Down the road of life we’ll fly automo-bubbling you and I.
To the church we’ll swiftly steal, then our wedding bells will peal,
You can go as far you like with me, In my merry Oldsmobile.

Patter Chorus: Come away Lucile ‘cause if I may Lucile I want to take you for my bride,
And we’ll chug along and always sing a song as down the road of life we fly
Even though my car is old and squeaky now it’s better than a horse or train.
When I pull the throttle out and put her into third you think you’re in a plane.
To the church we’re heading for a quiet wedding then I’ll crank her up and take the wheel
And away we’ll go my honey, they will know my honey that our love is real.
You can go as far you like with me, In my merry Oldsmobile,
My merry Oldsmobile”.

O último Oldsmobile Curved Dash foi produzido em 1907, já que em 1908, a Oldsmobile integra com outras marcas a General Motors.

Ransom Eli Olds funda então uma nova empresa a REO Motors Car Company que durou até 1936.

O ano de 1932

Mas em 1932 os Fleischer Studios, produzem para a Oldsmobile Motor Company, um pequeno filme publicitário, retomando a canção então muito popular nos Estados Unidos, e utilizando o velho Oldsmobile de 1905.

 

Este filme é interessante porque mostra a importância da publicidade e do automóvel.

O rápido desenvolvimento do  filme sonoro. O primeiro filme sonoro “The Jazz Singer” data de 1927, e foi realizado por Alan Crosland (1894-1936) para a Warner Brothers com Al Johnson (1886-1950), um cantor que se pintava de preto nas sua actuações.

A difusão do filme de animação sonoro, onde Walt Disney (1901-1966) tem um papel fundamental, com as “Silly Symphonies” (1929-1929) onde se inclui  “Flowers and Trees” de 1932.

File:Silly symphony.jpg

e a utilização da animação para uma espécie de primitivo karaoke.

De facto o Oldsmobile de 1932 era já muito diferente do Curve Dash.

olds1932

1932 - Oldsmobile - Model F-32, 6 cylinder NYPL Digital Gallery

De facto o Oldsmobile de 1932 era já muito diferente do Curve Dash.

oldsmobiledes1932

A partitura é de novo editada com o modelo cabriolet de 1932, mantendo-se contudo os elementos da capa de 1905: o casal, o automóvel e a paisagem.

835

A Oldsmobile foi a primeira marca da General Motors a ser extinta em 2004.

Publicidade em Portugal do  REO (Ramson Eli Olds).

reo

Ilustração, No. 114, Septembre 16 1930 in Ilustração Portuguesa http://revistaantigaportuguesa.blogspot.com/

Uma célebre fotografia de Almada Negreiros em Madrid, onde esteve entre 1929 e 33, no que me parece ser um Oldsmobile.

almadamadrid

Foto de Fotobriografias Século XX – Almada Negreiros – texto de Joaquim Vieira – Circulo de Leitores, 2110

Um Oldsmobile destes (1928) circulou como táxi em Lisboa.

oldsmobiletaxidelisboamh0

Foto de Carlos Santos em  http://img187.imageshack.us/i/oldsmobiletaxidelisboamh0.jpg/

Sem comentários:

Enviar um comentário